Piloto testa carro de verdade enxergando pista pelo Oculus Rift

A fabricante de óleo de motor Castrol apostou na realidade virtual e em um processo bastante complexo (e tecnológico) de test-drive para a nova campanha publicitária da companhia.

Para promover a linha de diesel Edge Titanium Strong, a empresa convidou um piloto de fórmula D (de drift), Matt Powers, a pilotar um carro de verdade em um estacionamento deserto e gigantesco. A diferença é que, no lugar no capacete convencional, o equipamento de segurança conta com um Oculus Rift servindo de visor. Em vez do mundo real, Powers enxerga uma espécie de jogo de corrida realista e pós-apocalíptico, em que o cenário parece desmoronar.

O resultado? Um carro andando de verdade, mas com o condutor achando que está em outra dimensão. Em resumo, o veículo foi transformado em um controle de video game gigante.

O vídeo da Castrol tem um pouco de fantasia, é verdade, mas só pensar no que o piloto enxergava no momento já é de tirar o fôlego. Para não causar acidentes, batidas ou desvios da pista, pesquisadores passaram dias mapeando o estacionamento com um GPS para sincronizar o cenário real com a pista projetada no óculos.